130º post – MC de 7 de fevereiro de 2010

8 fev

 

A Conexão Cavalo de Tróia começou jogando cicuta no calcanhar de Aquiles da Europa. A Grécia é o primo pobre e sua economia está em ruínas – e o socorro dos primos nem tão ricos assim anuncia uma tragédia grega. Especialista em Turquia, Caio Blinder explicou que a Grécia é um Brasil (ou uma Argentina?) onde se fala grego – e Ricardo Amorim disse que se os PIIIGs ruírem, a Europa toda vai junto. Conclusão: se correr o bicho pega, se ficar o bicho come, e pobre é bom. Mudando de rumo, a Ucrânia não tem acrópole mas é uma ruína – e o único vencedor da eleição será a Rússia. Enquanto isso, o milagre japonês já acabou em 1994, um Toyota é uma máquina perigosa e nem o sumô tem credibilidade.

No segundo bloco, Barack Obama não consegue fechar Guantánamo nem julgar suspeitos – e o próximo ataque terrorista pode vir de baixo e de dentro. A matéria The jihadist next door, publicada na revista do The New York Times (leia aqui), mostra que a distância entre o sul dos Estados Unidos e o norte da África pode ser pequena – e os perigos imensos. A irmã virou hippie, mas o moleque doidaço Omar Hammami pirou e virou um poster boy para o pessoal da Al Qaeda. A conexão do Brasil com o Irã pode ser uma cascata, mas os gays nas forças armadas ainda dão babado. A bomba explodiu por aqui também, e Diogo Mainardi disse pouco mas disse tudo: há alguma coisa mais gay do que um bando de homens sarados que adoram fardas e tomam banho juntos? Eu também acho que não.

A seguir, os presidentes vão – mas Helen Thomas, que em geral se dá bem com eles, fica. A repórter cobre a Casa Branca há 50 anos, e do teletipo ao Twitter já ouviu muita cascata e tem muito a dizer ao Mr. President no livro Listen up, Mr. President: everything you always wanted your president to know and do (site aqui, trecho aqui). O sitting Buddha Diogo Mainardi não conseguiria fazer tal trabalho infame – mas necessário. Brasil na imprensa: deu São Paulo afogada.

Para terminar, em vida já reverenciado como o maior escritor russo, Leo Tolstoy morreu com 82 anos de idade como patrimônio da humanidade – e o filme The last station acompanha seus dias finais com a condessa Sofya. Pseudo celibatário e vegetariano, o rapaz sabia como contar uma história e Helen Mirren e Christopher Plummer foram indicados ao Oscar – mas não vão levar. Nesta semana não tive tempo de assistir ao filme comentado no MC, então vou confiar na opinião do Pedro Andrade que The last station não é um espetáculo – mas é digno. Os manhattans falaram ainda sobre o Oscar – e se o James Cameron ganhar eu nunca mais vou entrar em um cinema.

O melhor: A jaqueta de couro do Pedro Andrade. O pior: Ricardo Amorim ter dito que a sexualidade é uma “opção”. Há muito tempo a ciência já comprovou que a sexualidade não é opção, e uma pessoa tão inteligente e bem informada como ele deveria saber disso. Fórum da semana: Quem são os Apolos – e quem são as Cassandras – da Conexão?

 Bastidores do MC: assista aqui ao papo futebolístico entre Ricardo Amorim e Diogo Mainardi :-)

Vídeo da semana: Who will comfort me, com Melody Gardot. Obs: o nome da música está escrito errado no site do GNT – mas pelo menos desta vez foi apenas um erro, e não dois como na semana passada…

Aviso: a área de mídia do fã-clube do Manhattan Connection foi atualizada com arquivos de entrevistas de Paulo Francis, Arnaldo Jabor e Nelson Motta ao programa Roda Viva.

Página inicial do fã-clube do Manhattan Connection

Uma resposta to “130º post – MC de 7 de fevereiro de 2010”

  1. Renata :-) às 17:16 #

    Adorei o video de bastidores. O Diogo tem cara de tudo, menos corintiano. Aliás, sempre achei que ele não ligava pra este assunto…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s