178º post – MC de 29 de maio de 2011

30 maio

Os cochilos da Conexão Fervura torcem pelas mulheres, que são mais da metade da população do mundo e continuam vítimas do machismo. Não é da nossa conta se a Barbara Walters da França sabia ou não sabia: Anne Sinclair pagou a fiança e todas as despesas – afinal, No escândalo DSK, um charuto pode ser um charuto. Como boa jornalista a mulher do Exterminador também não sabia o que acontecia na própria casa – mas sabe que Christine Lagarde vai para o trono do FMI. Enquanto isso, as afegãs estão no fundo do poço e são defendidas por Maria Bashir, a advogada que é a face da justiça na defesa de outras Marias. O primeiro bloco terminou com Diogo Mainardi otimista, vendo sinais positivos para as mulheres e para os países do norte da África.

A seguir, Cingapura era um porto importante, mas como parte do jogo os portugueses tocaram fogo no que hoje é um micropaís que tem um puro e duro regime político. O milagre cingapurense de dar chibatadas em todo mundo é uma boa, e até Ricardo Amorim voltou aos seus tempos de Repórter Esso para dar seu testemunho ocular da história – pena que teve que citar as músicas brasileiras da época da ditadura, o que me lembrou o (argh!) Chico Buarque. Melhor mudar logo de assunto: o símbolo das elite chegou à Cuba – que já era Miami antes de Miami ser Miami. Brasil na impresa: uma matéria interminável e contraditória em Strange fruit – the rise and fall of açaí (mas sem a fall).

Para encerrar, ces’t Paris: qualquer passado é melhor que o presente nas badaladas de Midnight in Paris. O novo filme de Woody Allen é uma delícia e viaja no tempo – e seu único defeito é que ele acaba. Allen quer distância dos custos de New York e para suprir sua carência afetiva pediu exílio e asilo em Barcelona, Londres e Paris. Cada vez mais o terceiro bloco do MC fica mais interessante e mais engraçado, e neste o Repórter Esso foi Lucas Mendes – que algumas vezes testemunhou Salvador Dalí supervisionando surubas e colocando sua bengala onde não deveria. Informação como essa a gente só vê no Manhattan Connection.

Fã-clube do Manhattan Connection

2 Respostas to “178º post – MC de 29 de maio de 2011”

  1. Tocar Violão :-) às 10:12 #

    Uau, tinha teu blog salvo nos favoritos, resolvi acessar hoje e gostei

  2. Marcos Alexandre :-) às 20:51 #

    Thanks :-)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s