195º post – MC de 27 de novembro de 2011

28 nov

Para os histéricos da Conexão Superego, o supercomitê foi um superfracasso – graças ao superdesconhecido Grover Norquist, o temido lobista superpoderoso que trabalha nas sombras. A causa virou religião e a religião virou culto para mandar os hereges para o inferno – deixando Obama com uma patética estratégia e uma pergunta: Newt Gingrich vai para a fogueira ou não vai? No Egito ninguém tem extintor de incêndio, mas a fogueira que importa é a da Síria, pois nem as mandingas diárias do vidente Diogo Mainardi estão conseguindo assar o Assad. Enquanto isso, na Europa os patetas bananas não mentem e estão todos abraçados com a Angela, que nunca foi santa – mas é a salvadora e vai ajoelhar à beira do precipício.

No segundo bloco, Karl Marx morreu outra vez no livro Love and capital – Karl and Jenny Marx and the birth of a revolution (trecho aqui). O manifesto de Mary Gabriel entrou na vida privada (e contraditória) do pequeno burguês que vivia a dialética na pele e que era, antes de tudo, um sinhozinho normal. As teorias estúpidas do cabeção fizeram as cabecinhas da Jenny e do Engels – mas não a do Lucas Mendes, que ganhou mais dinheiro que Marx  escrevendo a coluna Papa Marx. Brasil na imprensa: Fresh look for author, and the land he lauded.

A seguir, o mundo precisa de mais um filme sobre Freud e Jung. David Cronenberg não fez análise mais explica a libertação do corpo e das ideias em um tratamento de primeira classe com A dangerous method, um filme de história maluca contada com bizarrice e lançada como isca para pescar Oscars. Se o Pedro Andrade até sonhou com o ménage à trois, então o filme deve ser pelo menos um pouco interessante para ser analisado, não?

Mais interessante ainda é a sincronicidade digna de Jung: justamente o meu post sobre a edição do MC que falou de muitas mortes e suicídios, e que foi chamado de triste e deprimente pelo Lucas, é aquele em que anuncio o fechamento do blog do fã-clube do Manhattan Connection. Infelizmente, a partir de hoje o blog e o fã-clube continuarão no ar somente em forma de arquivo, sem novas atualizações. Farei novos comentários e postarei links apenas na página do fã-clube no Facebook.

Muito obrigado a todos pela audiência por todos esses anos, e fiquem sempre ligados no melhor time político e econômico da TV brasileira – e no melhor guia de New York.

Marcos Alexandre

 

3 Respostas to “195º post – MC de 27 de novembro de 2011”

  1. Mila Ribas :-) às 14:02 #

    Que noticia triste!!!!!!!!!!! =( Muito mais triste q qualquer suicidio das filhas do Marx.

  2. Henrique :-) às 7:07 #

    Pena que o blog tenha acabado. Passava por aqui toda semana após o programa. De qualquer forma, parabéns pelo trabalho, Marcos.

  3. ana cristina burjack :-) às 7:58 #

    OH! Marcos, que noticia ruim, os seus posts no blog sempre foram divertidissimos, de leitura agradavel e fino senso de humor. Vou sentir muita falta.

    Já estou com saudades!

    Ana Cristina Burjack

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s